6 hacks para Personal branding para atrair mais clientes

Tempo de leitura: 4 minutos

Diga-me:

  • Você acabou de criar seu negócio?
  • Abriu sua lojinha no instagram recentemente?

Ok, agora é hora de trabalhar seu branding.

A minha intenção nesse artigo é dar a vocês 6 hacks para o seu Personal Branding para atrair mais clientes.

Dica do Mercado Hack: Aconselho você a ler (também) nosso artigo sobre Autoridade e a vídeo aula GRATUITA sobre Growth Hacking Leads e vendas.

Vamos ao artigo ->

1- Tenha um conteúdo autêntico

Autenticidade sempre é um diferencial.

Seja para a construção de artigos ou até mesmo no seu estilo de vida.

Fazer as coisas de coração e com determinação já traz um ar diferente para você e seu negócio.

Se você trabalha com produção de conteúdo, tente, ao máximo, produzir conteúdos autênticos.

“Ah, mas e se as pessoas não gostarem do que eu escrevo?”

Perca esse medo agora, escreva do seu próprio estilo, mas tome cuidado com:

  • Erros de português (sei que é difícil, eu mesmo tenho muitos rs.)
  • Fonte (aonde você está se inspirando para criar seu conteúdo? É uma fonte confiável?)

A internet é cheia de fake news e a desconfiança das pessoas é bem alta.

Por isso, repito:

Tenha fontes confiáveis!

2- Sua foto passa confiança?

Pode parecer besteira, mas a foto de perfil é a primeira coisa que as pessoas vão reparar.

Se sua foto não passar confiança, a chance de você ser ignorado é alta.

Mas como saber se sua foto traz confiança?

Uma ferramenta que sempre recomendo é o Photofeeler.

Como ele funciona?

Na verdade é bem simples.

Você irá colocar sua foto e as pessoas vão avaliá-las em 3 quesitos.

Os quesitos variam de acordo com o objetivo da sua foto, por exemplo:

Se sua foto é para fins comerciais, ela será avaliada entre: Competente, Simpático e Influente.

Se for para namoro: Inteligente, Confiável e Atraente

Se for socialmente: Confiante, Autêntico e Divertido

Faça você o teste!

3- Crie uma logo vencedora

A logo é a cara da sua empresa.

É aquilo que as pessoas vão bater o olho e já lembrar de você.

Vamos fazer o teste? Olhe essas logos, nem colocarei o nome dessas marcas e você já vai saber: Quem elas são e o mercado que elas atuam

Seja criativo e objetivo.

Lembrete: Sua logo deve ser legível até mesmo quando colocada em miniatura!

Por isso, evite muitos detalhes!

4- Tenha um posicionamento

Entenda:

 

Posicionamento de marca é como as pessoas enxergam você ou seu negócio.

Então todo o seu conteúdo, a forma como você age e sua empresa (ou negócio) devem refletir seu posicionamento.

Tenha isso claro e definido, mesmo antes de criar a logo. (Pois ela também deve estar relacionada ao seu posicionamento).

5- Conte uma boa história

O ser humano é fascinado por histórias.

Todo mundo adora uma boa história.

Qual a sua história?

  • Qual a história do seu negócio?
  • Como ele surgiu?
  • O que te motivou a seguir nesse caminho?

Ter uma boa história é o primeiro passo para o público se conectar com você.

Toda marca possui a própria história e cada uma delas é envolvente.

Se você está montando sua marca, ela precisa de uma.

Comece agora!

6- Seja consistente em suas redes sociais

Você sabia que 62% da população brasileira está ativa nas redes sociais?

Agora que você sabe disso, não preciso te convencer que você deve estar ativo em suas redes sociais, né?

Não dar atenção na sua rede social pode causar a morte da sua marca, e não é exagero.

Se a principal forma de comunicação do público com a empresa, hoje em dia, é através da internet, então você deve usá-la a todo momento.

Que tal fazer uma agenda de postagens em cada uma de suas redes sociais?

Você não precisa postar conteúdo o tempo todo, mas seja consistente em sempre trazer algo a seu público. Ex:

  • Facebook: 2 postagens por dia
  • Instagram: 5 stories e 2 postagens por dia)
  • Twitter: 3 twites
  • Youtube: 1 vídeo por semana.

Vale lembrar que esse valor varia de acordo com seu negócio, seu plano de comunicação e a estratégia inserida nele.

Caso queira aprimorar seu estudos, assista a vídeo aula TOTALMENTE GRATUITA sobre Growth Hacking: Leads e vendas.

Até a próxima.